quinta-feira, 21 de novembro de 2013

TRUFA AFRODISÍACA

       397413_10151646745400479_1800214870_n            
          INGREDIENTES

  • Massa
  • 1 lata(s) de creme de leite sem soro
  • 2 1/2 xícara(s) (chá) de chocolate ao leite picado(s)
  • 2 colher(es) (sopa) de rum
  • Recheio
  • 1 lata(s) de leite condensado
  • 1 colher(es) (sopa) de margarina Qualy
  • Sadia
  • 0,3 xícara(s) (chá) de suco de laranja
  • 2 colher(es) (sopa) de gengibre ralado(s)
  • Cobertura
  • 1 kg de chocolate ao leite fracionado


           MODO DE  PREPARAR
     

        Massa

  • Leve ao fogo o creme de leite até levantar fervura.
  • Misture com o chocolate ao leite até que este derreta completamente.
  • Junte o rum e mexa até ficar homogêneo. Leve à geladeira por cerca de 3 horas para firmar. Passe para o saco de confeitar e reserve.
  • Recheio
  • Misture todos os ingredientes do recheio em uma panela e leve ao fogo brando. Mexa até ficar pastoso.
  • Cobertura
  • derreta o chocolate conforme as instruções da embalagem e, com uma concha, coloque um pouco nas cavidades das formas para trufas ou de bombom. Bata levemente para retirar bolhas, gire a forma para
  • cobrir por igual e vire para retirar o excesso de cobertura. Raspe a forma com uma espátula e coloque-a sobre duas réguas com a parte aberta para baixo por cerca de 5 minutos ou até iniciar a
  • cristalização. Com a espátula, raspe a forma e as bordas das cavidades para tirar o excedente de cobertura.
  • Montagem
  • Coloque o recheio com uma colher e preencha o restante com a massa trufada quase até a borda. Regue o chocolate por cima e raspe com uma espátula para fechar as trufas. Leve à geladeira para finalizar a cristalização.
  • Desmolde e utilize uma embalagem própria para trufas.
  • Se desejar, pode substituir o rum por conhaque

Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas

quarta-feira, 20 de novembro de 2013

A HISTÓRIA DE UM BEIJA FLOR

VÍDEO MUITO BONITO


video
ESTA É A HISTÓRIA DE UM FILHOTE DE BEIJA FLOR

Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas

terça-feira, 19 de novembro de 2013

MALÁSIA - UM PARAÍSO

                      Malasia

Se você está pensando em ter um feriado cheio de aventuras emocionantes, certamente, a Malásia é o lugar que você estava procurando.
Com suas belas paisagens e clima tropical, Malásia é, sem dúvida, um dos melhores lugares para passar um momento relaxante com a natureza e descobrir uma cultura diferente e peculiar. 
Agora que você está determinado a conhecer este magnífico destino, apresentamos o top 3 dos lugares que você não pode perder na Costa Leste e Oeste da Malásia

                Kuala-Lumpur
                                            Kuala Lumpur

Kuala Lumpur é uma cidade construída sobre uma cultura cheia de tesouros para descobrir. 
O clima quente e úmido durante todo o ano, faz desta metrópole um destino que pode ser visitado em qualquer época do ano. 
Além disso, ela oferece uma arquitetura moderna que é apreciado no seu máximo com as famosas Petronas Twin Towers , Com uma altura de 452 metros  é um símbolo de Kuala Lumpur . 
Outras atrações de Kuala Lumpur são os seus jardins botânicos, Nos mercados se encontram artesanato local, a total segurança no comercio fazem a cidade de Kuala Lumpur uma parada obrigatória para quem viaja.

               Ilhas-Perhentian
                                        Ilhas Perhetian


Ilhas Perhetian são um pequeno grupo de ilhas que capta a atenção por ter uma beleza especial e elegância.
Localizado na região oeste da Malásia, são um grupo de ilhas cercadas por corais, o que torna o mergulho é uma atividade obrigatória.
Localizado no estado de Terengganu , as Ilhas Perhentiancertamente são uma maravilha da natureza que tem uma beleza cativante. Este lugar é ideal para umas férias tranquilas e relaxantes.
Assim você sabe que ser for se bronzear na praia ou fazer esqui aquático, as Ilhas Perhentian são o destino designado para você.

                    Caves da Malásia Atrações Turísticas
                                     Sarawak Ilha de Bornéu
Sarawak localizado a oeste da Malásia é uma terra de cavernas, por isso, se for visitar a Malásia,você não pode perder esta viagem para visitar as Caves Mulu , localizado ao norte de Sarawak . Este lugar tem mais de 300 quilômetros de vista de cavernas.
Cerca de 100 km encontre o Parque Nacional Gunung Mulu que oferece uma variedade única de cavernas, algumas das quais são recorde mundial por ser o maior e longo prazo para ser encontrada na Terra.
Se a viagem e aventura é o que você estava procurando, a recomendação é, visitar o parque nacional de Gunung Malu , que também tem uma flora impressionantes, o que irá se tornar uma das experiências que você nunca vai esquecer.

Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas

terça-feira, 12 de novembro de 2013

NINGUÉM É SUPERIOR A NINGUÉM.

                    

Certo dia, uma mulher avistou um mendigo, sentado numa calçada. Aproximou-se dele e, como o pobre coitado já estava acostumado a ser chacoteado por todos, a ignorou... 

Um policia, observando a cena, aproximou-se: - Ele está incomodando a senhora? Ela respondeu: - De modo algum. Eu é que estou tentando levá-lo até aquele restaurante, pois vejo que está com fome e até sem forças para se levantar. 

O senhor poderia me ajudar? Rapidamente, o policia a ajudou e o pobre homem não queria ir, pois não acreditava que isso estava acontecendo. 

Chegando ao restaurante o garçom que foi atendê-los disse, sem pestanejar: - Desculpe Senhora, mas ele não pode ficar aqui. Vai afastar os meus clientes!!! 

A mulher abaixou e levantou os olhos e disse: - Sabe aquela empresa ali em frente? Três vezes por semana os diretores de lá, juntamente com clientes, vêm fazer reuniões neste restaurante e sei que o dinheiro que deixam aqui é o que mantém este restaurante. 

Pois eu sou a proprietária daquela empresa. Posso fazer a refeição aqui com o meu amigo ou não? O garçom fez um gesto positivo com a cabeça. 

O policial que estava de longe observando ficou boquiaberto e o pobre homem deixou cair uma lágrima de seus sofridos olhos.

 Quando o garçom se afastou, o homem disse: - Obrigado Senhora, mas não entendo esse gesto de bondade. Ela segurou nas suas mãos e disse: - Não se lembra de mim, João? - Me parece familiar - respondeu - mas não me lembro de onde. 

Ela, com lágrimas nos olhos, disse: - Há algum tempo atrás, eu vim para esta cidade sem nenhum dinheiro no bolso. Estava com muita fome... Sentei-me naquela praça, aqui em frente, porque tinha uma entrevista de emprego naquela empresa que hoje é minha. 

Quando se aproximou de mim, um homem, com um olhar generoso. Lembra-se agora João? Ele, em lágrimas, afirmou que sim.

 - Na época, o senhor trabalhava aqui, nesse restaurante. Naquele dia fiz a melhor refeição da minha vida - eu estava com muita fome. Toda hora eu olhava para o senhor, pois estava com medo de prejudicá-lo por comer de graça. Foi quando vi o senhor a tirar dinheiro do seu bolso e colocar na caixa do restaurante. Fiquei mais aliviada e sabia que um dia poderia retribuir. Alimentei-me e fui com mais forças para a minha entrevista. 

Na época, a empresa ainda era pequena... Passei na entrevista, especializei-me, ganhei muito dinheiro, acabei comprando algumas ações da empresa e, com o passar do tempo, comprei-a e fiz a empresa ser o que ela é hoje. 

Procurei pelo senhor, mas nunca o encontrei... Até que hoje o vi nessa situação. 

Hoje, o senhor não dorme mais na rua! Vai comigo para a minha casa... Amanhã, compraremos roupas novas, e o senhor vai trabalhar comigo! 

Se abraçaram, chorando. O policial, o garçom e as demais pessoas que viram essa cena, emocionaram-se diante da grande Lição de vida, que tinham acabado de presenciar!!! 

MORAL DA HISTÓRIA: Hoje eu preciso... Amanhã pode ser você. Faça sempre o BEM... Um dia ele retornará em dobro para você.

Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas

sábado, 9 de novembro de 2013

DISCRIMINADO PELAS AUTORIDADES

                         
                                 Meu Nome é: Ives Gandra da Silva Martins


Não Sou: 
- Nem Negro, Nem Homossexual, Nem Índio, Nem Assaltante, Nem Guerrilheiro, Nem Invasor De Terras. Como faço para viver no Brasil nos dias atuais? Na verdade eu sou branco, honesto, professor, advogado, contribuinte, eleitor, hétero... E tudo isso para quê?
Hoje, tenho eu a impressão de que no Brasil o "cidadão comum e branco" é agressivamente discriminado pelas autoridades governamentais constituídas e pelalegislação infraconstitucional, a favor de outros cidadãos, desde que eles sejam índios, afrodescendentes, sem terra, homossexuais ou se autodeclarem pertencentes a minorias submetidas a possíveis preconceitos.

Assim é que, se um branco, um índio e um afrodescendente tiverem a mesma nota em um vestibular, ou seja, um pouco acima da linha de corte para ingresso nas Universidades e as vagas forem limitadas, o branco será excluído, de imediato, a favor de um deles! Em igualdade de condições, o branco hoje é um cidadão inferior e deve ser discriminado, apesar da Lei Maior (Carta Magna).

Os índios, que pela Constituição (art. 231) só deveriam ter direito às terras que eles ocupassem em 05 de outubro de 1988, por lei infraconstitucional passaram a ter direito a terras que ocuparam no passado, e ponham passado nisso. Assim, menos de 450 mil índios brasileiros - não contando os argentinos, bolivianos, paraguaios, uruguaios que pretendem ser beneficiados também por tabela - passaram a ser donos de mais de 15% de todo o território nacional, enquanto os outros 195 milhões de habitantes dispõem apenas de 85% do restante dele. Nessa exegese equivocada da Lei Suprema, todos os brasileiros não-índios foram discriminados.

Aos 'quilombolas', que deveriam ser apenas aqueles descendentes dos participantes de quilombos, e não todos os afrodescendentes, em geral, que vivem em torno daquelas antigas comunidades, tem sido destinada, também, parcela de território consideravelmente maior do que a Constituição Federal permite (art. 68 ADCT), em clara discriminação ao cidadão que não se enquadra nesse conceito.

Os homossexuais obtiveram do Presidente Lula e da Ministra Dilma Roussef o direito de ter um Congresso e Seminários financiados por dinheiro público, para
realçar as suas tendências - algo que um cidadão comum jamais conseguiria do Governo!

Os invasores de terras, que matam, destroem e violentam, diariamente, a Constituição, vão passar a ter aposentadoria, num reconhecimento explícito de que este governo considera, mais que legítima, digamos justa e meritória, a conduta consistente em agredir o direito. Trata-se de clara discriminação em relação ao cidadão comum, desempregado, que não tem esse 'privilégio', simplesmente porque esse cumpre a lei..

Desertores, terroristas, assaltantes de bancos e assassinos que, no passado, participaram da guerrilha, garantem a seus descendentes polpudas indenizações,
pagas pelos contribuintes brasileiros. Está, hoje, em torno de R$ 4 bilhões de reais o que é retirado dos pagadores de tributos para 'ressarcir' aqueles que resolveram pegar em armas contra o governo militar ou se disseram perseguidos.

E são tantas as discriminações, que chegou a hora de se perguntar: de que vale o inciso IV, do art. 3º, da Lei Suprema?

Como modesto professor, advogado, cidadão comum e além disso branco, sinto-me discriminado e cada vez com menos espaço nesta sociedade, em terra de castas e
privilégios, deste governo.

(*Ives Gandra da Silva Martins, é um renomado professor emérito das Universidades Mackenzie e UNIFMU e da Escola de Comando e Estado Maior do Exército Brasileiro e Presidente do Conselho de Estudos Jurídicos da Federação do Comércio do Estado de São Paulo).

Para os que desconhecem o Inciso IV, do art. 3°, da Constituição Federal a que se refere o Dr. Ives Granda, eis sua íntegra: 
"Promover o bem de todos, sem preconceito de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação."


Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas

DIVISÃO NAS IGREJAS

                                           

Divisão nas igrejas afeta a vida e o ministério dos membros

As diferenças e rupturas de ministérios geram traumas e causam até o esfriamento espiritual dos fiéis.

Nos últimos anos é possível perceber o aumento de igrejas que nascem da divisão de outras igrejas, até mesmo as mais tradicionais se formaram ou sofreram rupturas. Esse fato tem um lado positivo que é o aumento de ministérios para proclamar a Palavra de Deus, mas por outro lado essas dissensões causam traumas na vida dos fieis gerando até a morte espiritual, segundo diz teólogos.

Existem diversas razões para haver um racha em uma denominação, desde a vaidade pessoal dos líderes até insubordinação, dificuldades de se trabalhar em equipe e interesses pessoais nocivos. Mas também há divergências teológicas ou de vocações ministeriais legítimas, que são sufocadas por lideranças centralizadoras. "Dificilmente, a divisão é provocada por uma ovelha, mas quase sempre por um pastor ou líder", 

Qualquer que seja os motivos, a divisão de uma igreja sempre gera verdadeiros traumas emocionais e de fé nos membros que são os que mais sofrem nessas situações. "Toda ruptura, quer seja pessoal ou institucional, sempre causa algum tipo de trauma emocional, psicológico, social, e, no caso da igreja, um espiritual".


Esse processo é como um divórcio. "Trata-se de um divórcio eclesiástico, que afeta profundamente a história e a identidade de um povo, removendo as suas bases e criando um grande vazio existencial por um longo tempo."

Esses traumas podem criar grandes males espirituais para os membros de uma igreja que se fragmenta - "Embora, em alguns casos, a divisão seja até necessária", 

Nesses casos levantar as questões de maneira pública não é o melhor caminho. "As demandas e questões que suscitam divisões denominacionais  precisam ser tratadas pelos líderes com sabedoria, temor, respeito e amor cristão."

Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas


COMO EVITAR O ESFRIAMENTO



E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor se esfriará de quase todos. Aquele, porém, que perseverar até o fim, esse será salvo. S. Mat. 24:12 e 13.


Em 1776, James Cook, famoso explorador e capitão da marinha britânica, foi encarregado por seu país de liderar uma expedição com o fim de verificar se havia mesmo ou não uma passagem navegável entre os oceanos Atlântico e Pacífico, via costa norte do Canadá. A expedição zarpou de Plymouth, Inglaterra, no dia 12 de julho de 1776. Entre seus integrantes estava o Dr. Solander, um naturalista sueco, cuja responsabilidade era fazer observações científicas da flora e fauna encontradas ao longo do caminho.

No outono de 1779, a expedição pesquisou a área em torno do Estreito de Bering. Ali um grupo, sob o comando do tenente Hodder, e incluindo o Dr. Solander, armou um acampamento e dirigiu-se para o interior. Uma prematura tempestade de inverno apanhou de surpresa aqueles homens longe do acampamento, ameaçando-os de morrerem congelados. Devido à sua experiência com temperaturas baixas em seu país natal, a Suécia, o Dr. Solander reuniu os homens e advertiu-os acerca dos perigos da hipotermia.

- Precisamos resolutamente voltar ao acampamento sem uma única parada - disse ele. - Nosso grande perigo é adormecer e não acordar nunca mais.

- Mas acho que ficaremos terrivelmente cansados - comentou Hodder.

- É lógico que vamos ficar - disse Solander. - Quando o sangue começar a esfriar, os homens implorarão um pouco de descanso. Não permita que se detenham uma só vez. Incite-os com golpes, com baionetas, se for preciso. Ceder ao desejo de dormir será fatal.
Os membros do grupo de Hodder atenderam à admoestação do doutor e voltaram ao acampamento sem perder um homem.
Jesus advertiu-nos de que, ao aproximar-se o fim dos tempos, a iniqüidade aumentaria e o amor de muitos de Seus seguidores ficaria frio, ao assimilarem o espírito do mundo ao seu redor. Vemos que isso ocorre hoje: cristãos adormecendo enquanto se conformam mais e mais com o mundo.

O que podemos fazer individualmente para evitar esse fim triste? Resolutamente encaminhar-nos para Sião, enquanto animamos outros ao longo do caminho por nosso exemplo.
Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas

quinta-feira, 24 de outubro de 2013

TROMBOSE

                                                      

O que é:

A trombose é caracterizada pela formação de coágulos de sangue (trombos) no interior de veias ou artérias.  Pode ser causada por varizes, pela permanência na mesma posição durante muito tempo (sentado ou deitado), pelo uso de medicamentos hormonais ou como consequência de cirurgias ou gravidez. É uma doença que, quando não tratada corretamente,  pode causar sérias complicações, inclusive a morte.
Os trombos podem simplesmente diminuir ou obstruir a passagem de sangue num determinado vaso, ou fluir através da corrente sanguínea alojando-se nos pulmões gerando como consequência uma embolia pulmonar, situação grave que pode levar à morte.
Sintomas da trombose
Os sintomas característicos da trombose são:
  • Sinais de inflamação: Dor que piora com o tempo, inchaço e aumento da temperatura no local onde o trombo está alojado;
  • Coloração avermelhada ou arroxeada da região e
  • Enrijecimento da pele;
  • falta de ar, nos casos de embolia pulmonar;
Entretanto, em alguns casos, dependendo do tamanho do coágulo sanguíneo e do vaso sanguíneo onde ele está alojado, ele pode não gerar nenhum sintoma.
Alguns fatores de risco para o desenvolvimento da trombose são:
  • História familiar;
  • Obesidade;
  • Gravidez e parto;
  • Distúrbios sanguíneos;
  • Lesões ou cirurgias nas pernas ou nos pés;
  • Uso de medicamentos que interferem na coagulação;
  • Período de descanso muito prolongado, seja deitado ou sentado;
  • Idade; o risco aumenta para o dobro por cada acréscimo de 10 anos a partir dos 20 anos de idade.
Quanto mais fatores de risco o indivíduo apresentar, maior será probabilidade dele desenvolver uma trombose.

                       

Trombose nas pernas

A trombose nas pernas é mais comum que nos braços, sendo também mais grave. Ela pode afetar tanto homens como mulheres e quando não é devidamente tratada pode ser grave. Geralmente, ela gera sintomas como dor que surge numa das pernas e vai aumentando aos poucos, ficando vermelha e muito inchada. Nestes casos, o indivíduo deve procurar imediatamente, o serviço de urgência médica. O tratamento é feito com remédios anticoagulantes como a heparina, por exemplo.
                    

Trombose tem cura

A trombose tem cura e ela pode ser alcançada com o uso dos medicamentos receitados pelo médico. Em alguns casos, o indivíduo necessita ficar internado para o seu devido tratamento. É importante salientar que, os indivíduos que já tenham tido episódios anteriores, possuem maiores riscos de desenvolverem um novo quadro de trombose e, por isso, devem fazer acompanhamento médico regular e seguir as orientações do seu médico.

Trombose na gravidez

O risco de trombose aumenta muito na gravidez porque a capacidade de coagulação do sangue aumenta, principalmente no final da gestação, como forma natural de sobreviver ao parto. Se a mulher observar os sintomas da trombose na gravidez ela deverá imediatamente ir ao hospital para que o tratamento seja iniciado, pois esta é uma situação grave.
O tratamento da trombose na gravidez pode ser feito com a heparina injetável, pois a varfarina é contra-indicada na gravidez por ser prejudicial ao bebê. É importante informar que quando uma mulher sofre um episódio de trombose na gravidez, ela deverá continuar o tratamento até 3 ou 6 meses após o nascimento do bebê. Além disso, ela tem maiores risco de desenvolver outros quadros de trombose na vida, e por isso deverá prevenir-se.
                                         
Tratamento para trombose
O tratamento para trombose possui dois objetivos fundamentais:
  • Impedir o crescimento dos coágulos e
  • Impedir que os coágulos existentes se soltem.
Estes objetivos podem ser alcançados através do uso de medicamentos anticoagulantes como a heparina e a varfarina, sob orientação do cirurgião vascular ou do cardiologista. Além de alguns cuidados como evitar ficar sentado com as pernas para baixo e usar sempre meias de compressão elástica como as meias Kendal, por exemplo.
A prevenção da trombose pode ser feita através de uma alimentação saudável, boa hidratação e prática regular de exercícios físicos, mas nos casos cirúrgicos o tratamento fisioterapêutico antes e depois da cirurgia poderá incluir a movimentação dos pés mesmo com o indivíduo deitado. Este tipo de movimento é importante para melhorar a circulação sanguínea, já que a estase venosa favorece a formação de trombos..
 (Cardiologista)
Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas


quarta-feira, 9 de outubro de 2013

ONDE VAI O SENHOR ENCONTRÁ-LO?

      
                          Faces de pura alegria e felicidade 19        

Então os homens se meterão nas cavernas das rochas, e nos buracos da terra, ante o terror do Senhor... quando Ele Se levantar para espantar a Terra. Isa. 2:19.

Passei meu ano de calouro do segundo grau em um pequeno internato cristão nas colinas ocidentais do Estado da Carolina do Norte. Um colega me contou certo dia que na montanha atrás da escola havia uma caverna, onde um desertor do exército confederado se escondera durante a Guerra Civil. Meu amigo deu-me as indicações para encontrar o local; um dia subi sozinho e realmente encontrei a caverna.

Imaginei que fosse uma caverna ampla, clara, confortável, com abundante suprimento de água. Não era. Tinha pouca altura; mal dava para se ficar em pé lá dentro, e era desoladoramente escura. Mas havia evidências de habitação humana. Como, perguntei-me perplexo, conseguiu aquele troglodita sobreviver em condições tão primitivas? Mais tarde fiquei sabendo que havia uma fonte natural não muito distante da caverna; à noite, o homem percorria sorrateiramente as fazendas das redondezas para procurar alimento e outras coisas necessárias.

Além desse soldado sem nome, houve outros que desertaram durante a Guerra Civil. Dois homens se esconderam num vale da mesma região - e não ficaram sabendo que a guerra tinha acabado senão uns dois anos depois de haverem cessado as hostilidades.



Imagens - Imagens de pessoas tristes

A Bíblia diz que, quando Cristo vier a segunda vez, haverá duas classes de pessoas: aquelas que se esconderão nas covas e cavernas da terra por estarem despreparadas para encontrá-Lo, e aquelas que olharão para cima e dirão com alegria: "Eis que Este é o nosso Deus, em quem esperávamos, e Ele nos salvará; este é o Senhor, a quem aguardávamos: na Sua salvação exultaremos e nos alegraremos." Isa. 25:9.

A maneira como vivemos hoje determinará em que grupo nos encontraremos amanhã. Poderemos estar entre os que se esconderão "nas cavernas e nos penhascos" e clamarão "aos montes e aos rochedos: Caí sobre nós, e escondei-nos da face dAquele que Se assenta no trono, e da ira do Cordeiro". Apoc. 6:15 e 16, ou poderemos estar entre os que encontrarão o Senhor em paz. A escolha é nossa.


Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas.

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

GRANDES VALSAS - VOCÊ LEMBRA?


Neste LP, encontra-se as mais belas valsas Vienenses, como por exemplo a famosíssima: DANÚBIO AZUL .



Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas.

VOCÊ LEMBRA? MANTOVANI


                          

Annunzio Paolo Mantovani, maestro de refinado bom gosto, criou sua própria orquestra. Nasceu na Italia e foi morar em Londres. Nasceu em 15 de novembro de 1905 e faleceu em 29 de março de 1980, aos 73 anos.



•Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas.

ANDRE KOSTELANETZ - VOCÊ LEMBRA?

                           
André Kostelanetz (22 de dezembro de 1901, St. Petersburg, Rússia - 13 de janeiro de 1980) foi uma popular maestro e arranjador de música orquestrada, um dos pioneiros do estilo easy listening. Fugiu da revolução bolchevique e foi morar no EUA, onde se apresentava em programas de rádio nos anos 20. Kostelanetz é mais conhecido pela série de easy listening de álbuns instrumentais pelo selo Columbia Records de 1940 até a década de 1980. Fora da América, uma das suas obras mais conhecidas foi um arranjo orquestral da música "With a Song in my Heart", pela BBC, onde se tornou uma espécie de marca registrada. •Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas.

              

                          Andre Kostelanetz and His Orchestra: Manhattan Serenade

•Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas.

MOZART - VOCÊ LEMBRA?

                         

Mozart: um dos mais importantes representantes da música clássica Wolfgang Amadeus Mozart nasceu em 27 de janeiro de 1756 na cidade austríaca de Salzburgo. Desde criança apresentou grande talento musical. Seu pai, Leopold Mozart, era compositor e estimulou os dons musicais do filho. Com este apoio paterno, começou a escrever duetos e pequenas composições para piano, ainda na infância

                 

                          The Best of Mozart


 •Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas

SZIGETI - VOCÊ LEMBRA?

                             

Joseph Szigeti , eminente húngaro-americano nascido violinista e professor; nascido em Budapeste, 5 de setembro de 1892; Faleceu em Lucerna, 19 de fevereiro de 1973. Iniciou seus estudos em uma escola de música local, ainda criança, ele foi colocado na classe avançada de Hubay na Academia de Música de Budapeste e, depois, fez sua estréia em Berlim, aos 13 anos. Ele fez sua primeira aparição em Londres, quando ele tinha 15 anos; seguida, visitou a Inglaterra em concertos com Busoni; então se estabeleceu na Suíça em 1913, foi professor no Conservatório de Genebra (1917-25). Ele fez uma estreia auspiciosa E.U. tocando o Concerto de Beethoven com Stokowski ea Orquestra da Filadélfia no Carnegie Hall de NY (15 de dezembro de 1925); depois, ele percorreu os E.U. regularmente, continuando a aparecer na Europa. Com a eclosão da Segunda Guerra Mundial, ele foi para os E.U. (1940), tornando-se um cidadão naturalizado americano em 1951. Após o fim da guerra, retomou sua carreira internacional, assente novamente na Suíça em 1960 e deu aulas de mestre. Szigeti era um artista de rara inteligência e integridade, ele evitou o papel do virtuose, colocando-se totalmente ao serviço da música. Além do repertório padrão, ele defendeu a música de muitos compositores do século 20, incluindo Stravinsky, Bartók, Ravel, Prokofiev, Honegger, Bloch, e Martin.

                    

     Joseph Sziget pyas Bartok ;Portrait, op.5,no1.wmv


•Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas.

BERLIOZ - VOCÊ LEMBRA?


                                                       LOUIS-HECTOR BERLIOZ 

(La Côte-Saint-André, França 1803 - Paris, França 1869) Louis-Hector Berlioz nasceu na França, em La Côte-Saint-André, pequena cidade do condado de Dauphiné, a 11 de dezembro de 1803. Descendente de abastada família, cresceu sob o eco das vitórias de Napoleão Bonaparte e recebeu educação inspirada nos ideais de Rousseau. Pode-se dizer que Hector foi um autodidata guiado por um homem culto, pois circulava à vontade na grande biblioteca de seu pai, onde a liberdade de escolha era a regra natural. O cotidiano era confortável, organizado e monótono, Hector dividia suas horas entre os estudos com o pai, e as lições de flauta e guitarra. Partiu para Paris, onde iniciou o curso de medicina, mas logo descobriu sua verdadeira vocação: ser um músico. Procurou um mestre famoso em sua época, o professor Lesueur. Assim, quase dois anos depois da chegada em Paris, Berlioz começou a compor e, em seguida, a escrever artigos polêmicos contra as óperas de Rossini. Entre 1842 e 1846, Berlioz viajou a Bruxelas, principais cidades da Alemanha, Áustria, Hungria, chegando a Praga. Por sugestão de Balzac, partiu para a Rússia, no início de 1847, em busca de algum sucesso. Realmente o conseguiu, e seu retorno foi maldosamente anunciado nos jornais como " a volta de Mr. Berlionovsky". Seduzido tanto pela música de programa quanto pela orquestral, colocou "o drama na sinfonia e a sinfonia no drama" (Romeu e Julieta, 1839). A sua Sinfonia Fantástica assinala o verdadeiro início do poema sinfônico. Berlioz interessou-se pela música instrumental (Les nuits d'éte), pelo teatro lírico (A Danaçao de Fausto, 1846; Benvenuto Cellini, 1838; Os Troianos, 1855-58), pelas possibilidades expressivas da viola (Haroldo na Itália, 1834), e por uma música religiosa fulgurante (A grande missa dos mortos, 1837), ou intimista (A infância de Cristo, 1854). Sua orquestração colorida e inovadora marcou todo o século XIX (Grande Tratado da Instrumentação e Orquestração Modernas, 1844). Suas obras tiveram muito sucesso no exterior, principalmente na Alemanha e Rússia, onde o compositor esteve diversas vezes. Os textos escritos por Berlioz constituem uma importante fonte de informações sobre sua época.



Berlioz - Roméo et Juliette - volledig live concert in HD


•Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas.

HEIFETZ - VOCÊ LEMBRA?

                     
                                                         HEIFETZ

Jascha Heifetz nasceu na Lituânia (Vilnius) em 1901 então parte do império russo.Alguns historiadores pensam que Heifetz terá na verdade nascido ainda no século XIX e que a sua mãe atrasou voluntariamente a data de nascimento para incrementar o fator de menino prodígio. Na verdade Heifetz ensinado pelo pai também ele violinista começou a tocar com apenas três anos tendo tocado pela primeira vez em público com apenas sete anos em Kaunas tocando apenas o concerto em Mi Menor de Mendelssohn. Não temos obviamente registo desse evento mas encontramos aqui um extracto de um filme (They Shall Have Music - 1939) em que Heifetz entra "as himself" e salva uma escola de música de ser fechada tocando Mendelssohn (os jovens que estão na orquestra são os alunos dessa escola).Em 1910 ou seja com 9 anos entrou no conservatório de São Petersburgo para estudar com Leopold Auer . Com apenas 12 anos numa tournée na Alemanha teve a oportunidade de tocar para Fritz Kreisler (o grande violinista) que disse "Bem podemos partir já os nossos violinos".A 27 de Outubro de 1917 estreou-se no Carnegie Hall sendo desde esse instante e absolutamente do dia para a noite uma autêntica estrela nos Estados Unidos. A história de amor foi felizmente reciproca tendo Heifetz rapidamente assumido a cultura norte americana e tornado-se cidadão americano em 1925. Este fato valeu-lhe ser considerado como traidor na União Soviética durante a guerra fria só tendo por uma vez deslocado-se ao seu país Natal.Em 1930 transcreve a toca a peça "Hora Staccatto" de Grigoras Dinicu de quem Heifetz disse ser o melhor violinista que ouviu. Oiçam aqui Heifetz numa interpretação dessa peça.Durante a guerra Heifetz participou no esforço de guerra dando inúmeros concertos nomeadamente nas frentes africanas sendo que logo a seguir à guerra e sob pseudónimo escreve "When You Make Love To Me - Don't Make Believe." canção gravada tanto por Bing Crosby como por Margaret Whiting.Em 1958 torna-se professor na UCLA tendo posteriormente (1960) mudado para a University of Southern California onde ensinou durante largos anos e onde ficaram famosas as suas master classes. Vejam por exemplo aqui um aluno interpretar uma canção brasileira "Ao pé da Fogueira" do compositor Valle num arranjo do próprio Heifetz (penso).Heifetz foi aos poucos deixando de tocar em público devido a uma lesão no ombro tendo o seu ultimo concerto decorrido em Los Angeles em 1972. A gravação deste concerto é também a sua ultima edição discográfica.Em 1983 terminou a sua longa associação com a USC embora tenha continuado a ensinar em privado.Heifetz é ainda hoje considerado por muitos o maior violinista de sempre pela qualidade do seu som e afinação impecável. Dizia-se que era incapaz de falhar uma nota. Foi muitas vezes criticado por ser demasiado mecânico e pouco emotivo. Tinha um feitio difícil e terá abandonado a carreira como interprete de obras orquestrais por não conseguir conviver com visões diferentes da sua.Do ponto de vista pessoal era também uma pessoa de extremos dando muita importância ao dinheiro mas sendo também capaz de participar em atividades altruístas como campanhas para a criação do número de emergência na Califórnia.Heifetz faleceu em Los Angeles a 10 de Dezembro de 1987.



Jascha Heifetz plays Tchaikovsky Violin Concerto: 1st mov.


***Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas***

OH! CAROL - VOCÊ LEMBRA?



           Uma das músicas deste LP, é a famosa "OH CAROL" na interpretação de Neil Sedaka.



                     

Oh Carol
I am but a fool Eu sou apenas um tolo
Darling I love you Querida eu te amo
Though you treat me cruel Apesar de você me tratar mal
You hurt me Você me machuca
And you make me cry E você me faz chorar
But if you leave me Mas se você me deixar
I will surely die Eu certamente morrerei
Darling, there will never be another Querida, Jamais haverá outro Cause I love you so Porque eu te amo muito
Don't ever leave me Nunca me deixe
Say you'll never go Diga que você nunca irá partir
I will always want you for my sweet heart Eu irei sempre tratar você como meu amor
No matter what you do Não importa o que você faça
Oh! carol Oh! Carol
I'm so in love with you Eu estou tão apaixonado por você
Darling, there will never be another Querida, Jamais haverá outro
'Cause I love you so Porque eu te amo muito
Don't ever leave me Nunca me deixe
Say you'll never go Diga que você nunca irá partir
I will always treat you as my sweet heart Eu irei sempre tratar você como meu amor

***Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas***

VOCÊ LEMBRA? BRASIL TRI-CAMPEÃO 1970



Neste LP está a narração dos jogos das copas de 1958 na Suécia, 1962 no Chile e 1970 no México, e ainda contém a música: PRA FRENTE BRASIL!
Letra da musica Pra Frente Brasil (Copa De 70): Compositor: Miguel Gustavo 


TITULARES NA COPA DE 1970:  Da esquerda para  direita - Carlos Alberto ( capitão), Brito, Felix, Wilson Piazza, Clodoaldo, Everaldo, Jairzinho, Gerson, Tostão, Pelé e Rivelino.
Técnico: Zagallo
Obs: Agachado ao  lado de Jairzinho está o massagista Mario Américo e ao lado de Rivelino está o Jackson. Dois grandes colaboradores da seleção Brasileira.




Letra da musica Pra Frente Brasil (Copa De 70): Compositor: Miguel Gustavo 

Noventa milhões em ação, Pra frente Brasil,  do meu coração... Todos juntos vamos, Pra frente Brasil, Salve a Seleção! 
De repente é aquela corrente pra frente, parece que todo o Brasil deu a mão... Todos ligados na mesma emoção... Tudo é um só coração! 
Todos juntos vamos, Pra frente Brasil! Brasil ! Salve a Seleção!!!

  ***Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas***

sábado, 21 de setembro de 2013

EUGENE ORMANDY - VOCÊ LEMBRA?

                          

EUGENE ORMANDY Budapeste, 18 de novembro de 1899; Filadélfia, 12 de Março de 1985).

Na idade de cinco Ormandy ingressou no Conservatório de Budapeste, onde estudou violino. Graduando-se em 1914, tornou-se um membro do corpo docente. 

Em 1921 ele veio para os Estados Unidos, trabalhando como violinista, concertino e, posteriormente, maestro da Orquestra do Teatro Capitólio, em Nova York. 

Depois de uma aparição bem sucedida com a Orquestra de Filadélfia, foi nomeado maestro da Orquestra Sinfónica de Minneapolis, em 1931. 


                     

Em 1936 ele tornou-se regente associado da Orquestra de Filadélfia e mais tarde o seu maestro e diretor musical permanente (1938-80). Ormandy era conhecido por excelentes interpretações românticas, excelência em obras de Beethoven e os mestres do século 19. 


 A orquestra da Filadélfia se torna em um instrumento fino, cheio de tom e imaculada na técnica, especialmente no final dos anos 20 e início Romântico da música no século vinte.

***Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas***

LÁBIOS AVERMELHADOS

CLIC NA FOTO PARA AMPLIAR

***Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas***

terça-feira, 17 de setembro de 2013

DEVOLUÇÃO DO DÍZIMO!

E a pedra que erigi por coluna, será a casa de Deus; e de tudo quanto me concederes, certamente eu Te darei o dízimo. Gên. 28:22.


Muitos anos atrás, quando o fabricante de doces John Huyler fundou a sua empresa, ele adotou como sua a promessa de Jacó. Indo ao banco, abriu uma conta que identificou com as iniciais "M.S." Depositava regularmente naquela conta um décimo de sua renda. Quando lhe perguntavam o significado daquelas iniciais, Huyler respondia: "Meu Sócio."

Dando a Deus o primeiro lugar em suas transações comerciais, foi abençoado por Deus e sua fábrica prosperou de modo fenomenal. Toda semana, a obra do Senhor recebia quantias cada vez maiores de dinheiro. O valor dessas doações ficou tão grande, que espantou os sócios da empresa.

O interessante é que essas contribuições iam sempre acompanhadas por um pedido de que não se fizessem agradecimentos ao doador, mas que o beneficiário louvasse a Deus somente. "Afinal de contas", dizia Huyler, "o dinheiro não é meu; é do Senhor."

A maioria das pessoas já comeu aveia Quaker em alguma oportunidade, mas poucos sabem quem fundou a empresa ou conhecem a história de sua prosperidade.

Há mais de cem anos, Henry P. Crowell contraiu tuberculose e ficou sabendo que nunca concretizaria sua ambição de tornar-se pregador. Depois de ouvir um sermão de Dwight L. Moody, ele orou: "Senhor, não posso ser pregador, mas posso ser um bom comerciante. Se me permitires ganhar dinheiro, eu o usarei para Teu serviço."

Um médico aconselhou o jovem Crowell a trabalhar ao ar livre. Ele seguiu o conselho e, depois de sete anos, reconquistara a saúde.

Comprou então o pequeno e desmantelado moinho Quaker, em Ravenna, Estado de Ohio. O empreendimento prosperou e, leal à sua promessa, Crowell devolveu fielmente o dízimo. Dentro de dez anos, a Aveia Quaker era um nome conhecido. Durante os 40 anos seguintes, Crowell deu 60 a 70 por cento de sua renda para a causa de Deus!

Poderiam ser citados outros exemplos dos benefícios de um dízimo fiel. Mas as grandes vantagens para aqueles que devolvem o dízimo e contribuem com ofertas generosas, não são benefícios materiais, mas bênçãos espirituais.

Não 10, Mas 100 por Cento - e Mais Ainda
Porque quem sou eu, e quem é o meu povo para que pudéssemos dar voluntariamente estas coisas? Porque tudo vem de Ti, e das Tuas mãos To damos. I Crôn. 29:14.

Um jovem casal que se havia mudado recentemente para uma nova localidade, desejou unir-se a uma igreja próxima e pediu que o pastor os visitasse e os instruísse acerca dos ensinos da igreja. Um membro leigo soube do interesse do casal e decidiu "ajudar" o pastor, telefonando para aquela jovem senhora.
- O pastor ainda não lhes falou sobre o dízimo? - perguntou o paroquiano.

- Não - respondeu a senhora.

- Bem - informou o membro - ele vai dizer-lhes que, antes de poderem fazer parte da congregação, terão de concordar em pagar 10 por cento de suas entradas para a igreja.

Quando o pastor visitou novamente aquele casal, a primeira coisa que a esposa perguntou foi:

- É verdade que se exigirá de nós o pagamento de 10% de nossas entradas, antes que possamos fazer parte da igreja?
O pastor suspirou uma rápida oração silenciosa por sabedoria. Mantendo a serenidade, respondeu:

- Lamento, mas a senhora foi mal informada. Na verdade, vocês serão solicitados a dar 100% e além do mais dar-se a si próprios. A Bíblia ensina que tudo pertence a Deus pela criação; portanto, qualquer coisa que Lhe devolvermos, já era dEle para começar. Acompanhem-me na leitura de I Crônicas 29:14.

Depois ele continuou:

- Deus testa Seus filhos, instruindo-os a devolverem um décimo de sua renda para o Seu "tesouro" (Mal. 3:10) - a tesouraria da igreja. Isso é chamado o dízimo. Mas Ele também nos convida a dar ofertas voluntárias. Acontece que ainda não é tudo. Deus apela para que demos a nós mesmos em sacrifício vivo, para sermos usados em Seu serviço, como Ele achar melhor.

- Ah! - disse a esposa - eu quero pertencer a uma igreja que espera tanto de mim!

O marido concordou. Oportunamente o casal foi batizado e se tornou um esteio para aquela igreja.

Quando chegamos ao ponto de reconhecer que tudo o que temos e somos pertence a Deus, a obediência fiel às expectativas dEle se torna um prazer.


***Clic no marcador e veja reunidas todas as postagens relacionadas***

contador gratis